“Então é isso que somos? Números?”

“Então é isso que somos? Números? Uma vida toda buscando explicação para a minha existência conturbada, para no final descobrir que sou apenas números? O vigésimo beijo de alguém, o primeiro aluno da chamada, o quinto da turma, o quadragésimo na fila do banco, o sétimo na espera para adotar uma criança birrenta, o segundo no coração de alguém… É só isso? Números? Fala sério. Eu ainda tinha esperança de ser uma revolução, de ser algo plausível e indispensável, mas sou apenas números. Totalmente substituível, porque o infinito é maior do que minha limitação de ser humano qualquer. Eu posso dormir e não acordar, e vou virar mais um número esquecido num anúncio de jornal de um ano qualquer que vai ficar para trás, porque o ano novo chega e uma página nova é lida e torna-se mais importante do que todas as outras que já foram passadas, e só serei lembrado quando alguém ouvir meu nome e eu virar lembrança e depois suspiro e novamente tornar-me números: muitas lágrimas, várias memórias e uma saudade.”

Jadson Lemos

Anúncios

Deixe um comentário! Ele é muito importante para o crescimento do site.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s